Homenagem ao Reitor da UFSC reconhece importância da Universidade para Araranguá

07/06/2018 18:07

A primeira sessão da Câmara de Vereadores de Araranguá do mês de junho foi realizada na noite desta segunda, 4 de junho, quando os vereadores votaram, aprovaram e entregaram o Título de Cidadania Honorária para o reitor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Ubaldo Cesar Balthazar, e também o Título Diploma de Mérito ao campus da Universidade no município pelos relevantes serviços prestados nos últimos 10 anos e pela implantação do curso de Medicina na unidade.

O autor das homenagens foi o presidente da casa, Daniel Viriato Afonso, que entende a importância que o campus teve para o desenvolvimento do Vale nos últimos anos com a formação de centenas de alunos, e ainda, a ligação que o seu reitor, Ubaldo, tem com a região, já que sua família é de Araranguá. “O objetivo de conceder estas homenagens é, principalmente, para chamar a atenção para o compromisso que ela tem com a região. Somos a menos desenvolvida do Estado e a UFSC representou um avanço, uma expectativa. Precisamos reafirmar esta parceria com a UFSC para realizar projetos que contribuam ainda mais com nossos desenvolvimento econômico”, comentou o presidente.

Com um currículo extenso, Ubaldo Cesar Balthazar, nasceu em Siderópolis mas possui familiares na cidade e casou-se com uma araranguaense. Formou-se em Direito pela UFSC onde leciona no curso até hoje, além de atuar no mestrado e doutorado. Este ano, foi eleito para o cargo de reitor e participou dos últimos atos para implantação do curso de Medicina no campus. “É uma emoção muito grande receber este título de uma cidade que representa tanto, onde passava minha infância e tenho muitos parentes. Araranguá ganhou muito com a UFSC e investir num campus de uma cidade pequena no Sul do Estado é um desafio que tem cada vez mais chance de dar certo”, disse sobre o título. Também participaram da solenidade o prefeito, Mariano Mazzuco, secretários de seu governo, professores da universidade, presidente da Aciva, Norberto Rizzoto, e o desembargador do Tribunal de Justiça, Júlio César Machado Ferreira de Melo.

O diretor da UFSC Araranguá, Eugênio Simão, e o pró-reitor, Sebastião Sores, representaram o corpo docente e discente, e receberam a homenagem dada pelos vereadores. Foram os porta-vozes da instituição. “A homenagem é justa mas o município e as lideranças fizeram sua parte em colaborar conosco e conquistar alguns avanços para o campus”, disse, Sebastião.

Criado em 2008, durante o governo do atual prefeito, Mariano Mazzuco, o campus Araranguá iniciou suas atividades em 2009. O primeiro foi o curso de graduação em Tecnologias da Informação e Comunicação, depois implantando Engenharia de Energia, e nos anos seguintes Engenharia de Computação e Fisioterapia, além dos cursos de pós graduação em diversas áreas e mestrado. Foi também alvo da luta de diversas lideranças locais que pleiteavam a implantação do curso de Medicina, conquista que veio este ano com a portaria do MEC que a autorizou. As primeiras turmas de futuros médicos iniciam ainda este ano. Hoje, a UFSC Araranguá abriga o Centro de Ciências, Tecnologias e Saúde, contanto com mais de mil alunos e gerando mais de 150 empregos diretos.

Fonte: Morgana Daniel/Assessora de Imprensa da Câmara de Vereadores

Fotos: divulgação